Um avião a sobrevoar as nuvens, uma rapariga a olhar pela janela e a voz da Doris Day a cantar- Que Sera Sera, what ever will be, will be...
E assim se iniciava o filme que um jovem cineasta cá da terra tinha em mente.


Alguém se recorda de quem teve esta esta brilhante ideia? Eu não me lembro, mas acho que ele merecia o filme.

foto roubada daqui

8 comentários:

C. disse...

esse filme devia ter sido feito :)


e a menina agradece

zazie disse...

sempre que ando de avião fico com esta música nos ouvidos

bjs
":O)

Luís Bonifácio disse...

Eu não associo a aviões.
Associo sempre à Doris Day, que a canta.

zazie disse...

áaaa mas não é associação, foi mesmo verdade. Lembro de ler ou ouvir isto. Um cineasta tuga que estava a pensar fazer um filme que começava assim. A ideia era brilhante e ficou-me na memória.

Flávio disse...

A ideia é brilhante e recordo-me de ter visto em visto uma espécie de trailer desse projecto, se não estou em erro. Mas não me lembro de quem era.

Outra ideia interessante para o começo de um filme, de um amigo guionista meu: a actriz Lourdes Norberto, com os seu magnífcos 70 e tal anos, a... dar à luz uma criança!

zazie disse...

pois eu também me lembro e não sabia que tinha havido filmagens.

Quanto ao projecto da Norberto a dar à luz provoca-me o efeito inverso. Por esse começo duvido que me ficasse com vontade de ver

zazie disse...

mesmo que não fosse uma criança que ela estivesse a dar à luz mas um ET, também ficava na mesma sem grandes apetências pelo filme...

":O.

Flávio disse...

lol Pois, mas o filme do parto acho que já foi mesmo rodado e deverá entrar brevemente na fase de pós-produção. Eu até sugeri ao guionista que, em homenagem ao Big Fish e para compor o ramalhete, a criança saisse disparada como um foguete do interior do útero materno.