Tenho para mim que a demonstração de fairplay também é sintoma de alma magnânima. Neste caso a série duracell teve a vantagem de fazer justiça a outro “tom” que glorifica o prazer de desbaratar- o do nonsense dos postes recicláveis do nosso maradona com minúscula.

E por falar em coelhos, aqui fica um cadeau de outro muito cá do Cocanha-

11 comentários:

Anónimo disse...

o SENHOR DO miniscente também sabe dizer porra. não é "minisciente", é "miniscente", ZAZIE!
TRÉGUAS SENTIDAS, o semiótico moviflor, o pobre lc.

zazie disse...

é, eu troco os nomes todos. Já ao abóbada palatina encasquei que era abóbora palatina.

Mas você quem é ó c****o? não me vai dizer que é o Luís Carmelo porque esse tem link.

zazie disse...

e se me desse para me enganar no carmelo era bem pior, né?

inventam cada nome e depois os outros é que têm culpa...

":OP

merdinhas disse...

Zazie...
apanhe o metro e vá lá ao merdinhas ("inventam cada nome...") picar o link "desfile" e "alfabeto da morte". (tem as gravuras todas!!!.)

zazie disse...

o quê, rapaz?

vou ver isso...
(estava aqui a fazer um post sobre o Zadok...)

Mário disse...

Falando em coelhinhos, não são queridos estes aqui ?:

http://www.zonicweb.net/badalbmcvrs/easterrich.jpg

Estou a preparar uma entrada sobre capas foleiras :)

zazie disse...

ai que coisa mais anormal ":O)))

conheces este tipo, o Miha Mazzini, ele anda a fazer uma boa colecção das capas juguslavas dos anos 50

http://friends.s5.net/mazzini/paloma/default.html

Foi aí que descobri os mexicanos juguslavos ehehhe

zazie disse...

ou os juguslavos mexicanos, melhor dizendo

Mário disse...

Meu Deus que mina !!!

Fantástico. Olha já fiz a entrada, depois diz se achaste piada.

Luís Carmelo disse...

Zazie: Não, não fui. Claro. Quanto a nomes, mesmo nas cátedras mais estriadas,
digo sempre na primeira aula:
"Sim, sim, Carmelo, entre Camelo e Caramelo, mas sem confusão com qualquer deles. Aliás, Carmelo, preciosa invenção, corresponde em Hebraico à poética designação "Videiras de Deus" (Karm Al), as quais referenciam as vinhas do monte Carmelo junto a Haifa (cidade maravilhosa de socalcos incríveis sobre o Mediterrâneo onde já estive. Claro). Beijo, LC.

zazie disse...

estás a ver como nestas coisas também não me engano. Um magnânimo topo-o eu bem, nunca podia depois vir com merdices ":O))

Estiveste lá? mas esse não é o do Monte Carmelo, dos monges?

bisou.

Mário, vou já ver isso.