Aproveitando a dica do atribulado concurso do gajo com pinta, invista-se agora na voz que é um detalhe ainda mais complicado.
Para iniciar deixo já aqui dois contributos (tenho uma lista de 6 intocáveis, aviso já...).
O primeiro vai ao encontro do que pensa o grande DJ da blogosfera- a de W. S. Burroughs com aquele tom monocórdico bem destilado.
A segunda faz parte das melífluas que são as minhas preferidas e mais não digo. Fica aqui o som a ver se reconhecem.

As outras virão depois. Por agora fica-se à espera das vossas escolhas.

nota: aviso já o caro João Villalobos que é uma autêntica vergonha se não se lembra de um que até tem por lá escondido no seu blogue...)

................................................................................
nota 2: para que o musaranho não tenha de vir para aqui fazer sapateado durante a votação, há que esclarecer melhor umas coisas:
A ideia não é escolher a voz mais bonita a cantar mas a voz com mais estilo (ou pinta, que até é uma coisa ligeiramente diferente) a falar. E tanto pode ser bonita como feia- o que importa é o tal "je se sais quoi" como da outra vez.

30 comentários:

João Villalobos disse...

Homem escondidos no meu blogue? Qual? Será o John Cale? A escolha do Burroughs é boa mas terei de votar no Leonard Cohen, depois de ponderar Tom Waits e tcham, tcham, tcham...Charles Aznavour, ah! ah!

João Villalobos disse...

Olha, esta maria sou eu, o João Villalobos. Bem sei o que aspecto que isto dá mas é uma longa história que envolve a minha filha tentando criar um blogue com as minhas passwords. E agora vai dar uma trabalheira mudar outra vez de sexo :)

mr what a long name this hardly worth typing disse...

a vovó zundapp vota no tom waits, depois de ter ponderado no leonard cohen, no brel e no vinicius

Flávio disse...

Obviamente, o Victor Espadinha.

zazie disse...

ahahahaha isso é uma coisa complicada, espero que não tenhas ficado também com a voz trocada.

Atenção: eu devia ter explicado melhor- a voz com mais pinta não é propriamente a cantar- é a falar. Por acaso acho que alguns exemplos que deram coincidem mas outros nem sei- como é a voz do Vinicius sem ser a cantar?
vejam lá se depois lá temos mais um concurso atribulado eheheh

e ninguém adivinha o ficheiro de som?

a ideia é mesmo o timbre de um tipo- o modo como fala.
Por isso é que o senhor Villalobos não se lembrou do que por lá tem...

Nota 2:
também não tem de ser a voz mais bonita- tanto pode ser bonita como feia, o que conta é o estilo- a pinta ";O))

mr what a long name this hardly worth typing disse...

o vinicius nalguns sonetos não canta, declama. creio que é válido...
no entanto a vovó zundapp insiste no tom waits....e passo a citar o que me disse a minha avó "...aquilo sim é uma voz com pinta!"
quanto ao ficheiro de som, se a qualidade fosse melhor, aposto que acertava. agora assim....
:))

João Villalobos disse...

Oh Zazie, então deve ser o Peter Falk. Quanto ao ficheiro de som, é fácil demais graças à menção da Lolita...Só não digo quem é para não acabar já com o suspense.
Finalmente, se a voz não é necessariamente a de alguém que cantem, malgré moi, vejo-me obrigado a propor também o Miguel Sousa Tavares. Já viram como sou imparcial, miúdas'
Ass: Maria a.k.a João Villalobos

zazie disse...

ehehhee, isso é que é pontaria,cara Maria aka João Villalobos! pois é mesmo o Peter Falk e acaba de entrar para concurso juntamente com o Miguel Sousa Tavares que até uma boa escolha.

E mais uma entrada vinda do Misantropo:
Ronald Colman (para minha desgraça e vergonha não me lembro...)

Esse Peter Falk até que entrava bem no concurso o homem elefante com mais pinta ":O)))
No caso é o timbre misturado com uma modo estranho de falar como se tivesse a mascar as palavras- tem uma cadência com muito estilo numa voz muito metálica e até feia

A minha escolha fica empatada entre esse ficheiro e outro que não disse...

zazie disse...

aqui está o Ronal Colman: http://themave.com/Colman/rc.htm

excelente escolha

mr what a long name this hardly worth typing disse...

james mason para a misteriosa voz do ficheiro...!?!
vamos lá ver se não dei outro tiro no pé....

zazie disse...

ehehehe acertou netinho zundapp! é ele- o James Mason!

João Villalobos disse...

Sim, a zazie tem gosto. Outra qualquer teria escolhido o Jeremy Irons.
Ass: Pois, já sabem quem.

mr what a long name this hardly worth typing disse...

ó zazie o que me deixou confuso foi a falta de qualidade do som do ficheiro...
:))
mas já agora ó maria, eu não "sei quem", no entanto o jeremy irons tem uma bela voz também e é um grande actor. o curioso é como por vezes, um mau filme, consegue tornar medíocre tudo à sua volta.

João Villalobos disse...

Grande actor o Jeremy Irons! Não me faças rir. A vida toda a fazer o mesmo papel do que em Reviver o Passado em Brideshead, é duro.
Mas quem sou eu para dizer isto? Apenas um crítico de cinema reformado que um dia foi regiamente pago para insultar quem faz um trabalho honesto.

zazie disse...

«Mas quem sou eu para dizer isto? Apenas um crítico de cinema reformado que um dia foi regiamente pago para insultar quem faz um trabalho honesto. »

ahahahaha nunca li melhor definição de crítico ":O)))

e eu digo-o à borla, ele será sempre o reviver o passado em Brideshead mas, apesar dos trejeitos e maneirismos, até gostei de o ver nos "irmãos inseparáveis do Cronenberg. Já na Madame Buterfly acho que teria ficado mnelhor no papel do chinoca que é outra desgraça apesar de ser bonitinho e coisa e tal

zazie disse...

mas isso de ser bom actor também é coisa complicada. O Marlon Brando sempre fez o mesmo papel, era cabotino até dizer chega e apesar disso... apesar disso era mesmo grande. E pior que o Irons é o Malkovich ";O))está para o cinema como a Dulce Pontes para a MPP- é só trejeitos

João Villalobos disse...

Olhá lá ó zazie. começas verdadeiramente a interessar-me (embora isto assim assinado fique perigosamente sáfico). Humor, inteligência, capacidade distanciamento crítico. É só qualidades a rapariga ;) Já agora, para fazer um triunvirato do cabotinismo, inclui aí o William Hurt.

C. disse...

não me resta alternativa: o velho john hurt/krapp

zazie disse...

Ó caríssimo João, por favor não me desgrace. Já viu que ainda podíamos ser “incluídas” na safosfera? Era uma trabalheira: tinha de pintar as paredes do blogue de lilás e passar a usar a Hello Kitty no avatar dos comentários. E o João, como esse pequeno problema na password ainda acabava a alternar o winnie the poo com a miffy “:OP
Quanto ao William Hurt com aquela boquinha de cu de galinha fica às mil maravilhas no terceto

Cris: eu sabia, minha malandra, estava mesmo para dizer que se aparecesses por aí ias logo lembrar esse grande homem-elefante que também devia estar em qualquer boa lista seja do que for!

P.S. como sempre a vóvó zundapp tem cá cada ideia... a danadinha

Susana Bês disse...

Esse aí é o lúbrico Anthony Quinn, esse debochado, sem-vergonha-na-cara e etc, que por bem cá passou.
Com mais pinta...vou pensar...

Susana Bês disse...

Até tive pesadelos: Mason, James Mason... mais lúbrico ainda.

O Jansenista disse...

Estranho que se tenha demorado tanto tempo a identificar James Mason: Sinal dos Tempos (O Tempora O Mores, dizia Cícero, em tradução livre Ó Tempo das Amoras). Parabéns pelo blog, um oásis!

zazie disse...

olha o senhor jansenista! muito obrigada, seja bem-vindo!

Paulo Cunha Porto disse...

Zazie:
Não deixes de contar o voto que o Ilustre Discípulo de Jansenius deixou à guarda do misantropo...

Paulo Cunha Porto disse...

A Maria João Villalobos ainda não confessou a sua fantasia. Não está certo!

zazie disse...

ora cá temos duas entradas vindas do caro Jansenista:
Richard Burton e Frank Sinatra!

zazie disse...

mais uam entrada:

Leonard Cohen da Lídia do Errância

Anónimo disse...

orson welles

morggie

zazie disse...

ora bem, ora bem isto está a aumentar.

aqui ficam mais umas entradas vindas directamente das janelinhas do misantropo:

http://www.blogger.com/comment.g?blogID=13023418&postID=113282802367001954

candidatos óbvios: R. Valentino, Harpo Marx e Jerry Lewis, todos por razões diferentes. Menos óbvios, alguns dos figurões da série Carry On / Com Jeito Vai...

3 candidatos óbvios: R. Valentino, Harpo Marx e Jerry Lewis, todos por razões diferentes. Menos óbvios, alguns dos figurões da série Carry On / Com Jeito Vai...
1:18 PM (o Jansenista)

Sorry mas o candidato vencedor só pode ser Edward G. Robinson! (Maria- a verdadeira)

Rui Manuel Amaral disse...

Eu voto no Bukowski.